A Biomecânica como disciplina transversal na formação de professores de Educação Física

Flávia Porto, Heloisa Almeida, Marcus Paulo Araújo, Jonas Lírio Gurgel

Resumo


Este trabalho discute o papel da Biomecânica no currículo acadêmico dos cursos de Educação Física (EF), no Brasil, buscando-se identificar argumentos que sustentem a sua utilização na formação desses professores frente aos seus campos de atuação. A falta de uma identidade científica dessa área profissional, o que pode ser explicada pelo histórico de sua formação, sobretudo, no país, pode, também, dificultar o melhor aproveitamento daquilo que a Biomecânica pode oferecer. No entanto, acredita-se que os conteúdos dessa disciplina podem ser úteis ao professor que trabalha na escola ou fora dela, mesmo que, ainda, sejam encontradas inconsistências quanto ao currículo oferecido nas diferentes Instituições de Ensino Superior em EF do país.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.