RECURSOS FISIOTERAPÊUTICOS NO PÓS-OPERATÓRIO DE CIRURGIA PLÁSTICA: REVISÃO DE LITERATURA

Adriano José Silva, Michele Rodrigues Quaresma, Tassiane Pfeiffer Magalhães Santos, Christian Pacheco de Almeida, Larissa de Cássia Silva Rodrigues, Renan Maués dos Santos, Késsya Alves da Costa, Tereza Cristina dos Reis Ferreira

Resumo


Introdução: O Brasil perde apenas para os Estados Unidos na realização de procedimentos estéticos cirúrgicos. O processo que envolve a cirurgia plástica, principalmente no pós-operatório demanda algumas complicações como alterações de sensibilidade, diminuição da amplitude de movimento, edemas, entre outras. Com isso, os recursos da fisioterapia dermatofuncional na cirurgia plástica tem, principalmente, o intuito de diminuir as complicações e auxiliar na recuperação. Objetivo: Revisar na literatura os recursos mais utilizados pela fisioterapia dermatofuncional no pós-operatório das cirurgias plásticas corporais, com enfoque nos recursos manuais. Métodos: Trata-se de um estudo de revisão sistemática da literatura que aborda sobre os recursos fisioterapêuticos manuais que são mais utilizados no pós-operatório de cirurgias plásticas. Esta revisão levou em consideração estudos sobre a atuação da Fisioterapia no pós-operatório, publicados entre 2005 a 2017, em português. As buscas foram realizadas nas bases eletrônicas SciELO, PubMed e Google Acadêmico. Resultados: Foram identificadas diversas técnicas fisioterapêuticas manuais para atuação no pós-operatório de cirurgia plástica corporal. Sendo assim, destacam-se aqueles referentes à diminuição de fibrose tecidual e/ou aderências cicatriciais, bem como a drenagem linfática Conclusão: Conclui-se que a fisioterapia é de suma importância no pós-operatório de cirurgias plásticas, já que a mesma visa prevenir as complicações advindas das cirurgias, além de acelerar os processos de reparo e cicatrização.


Palavras-chave


Cicatrização. Cirurgia Plástica. Fisioterapia.

Referências


Gracindo GCL. A moralidade das intervenções cirúrgicas com fins estéticos de acordo com a bioética principialista. Rev. Bioét. [Internet]. 2015 Dec [cited 2020 January 05]; 23(3): 524-534. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1983-80422015000300524&lng=en. https://doi.org/10.1590/1983-80422015233089

International Society Aesthetic Plastic Surgery. The International Society of Aesthetic Plastic Surgery releases statistics on cosmetic procedures wordwide. New York (NY): ISAPS; 2017. [acesso em 15 nov. 2019]. Disponível em: https://www.isaps.org/medical-professionals/isaps-global-statistics/

Saldanha, O. R., Maloof, M. R., Dutra, Lourença, O. T., Filho, S.O., Saldanha, C. B. Mamaplastia redutora com implante de silicone. Rev. Bras. Cir. Plást. 2010; 25(2): 317-24, 2010. Acesso em: 15 de Janeiro de 2019. Disponível em: http://www.rbcp.org.br/details/593/mamaplastia-redutora-com-implante-de-silicone

Santos JCM. Drenagem linfática manual nos pós-operatório de lipoaspiração: revisão de literatura [trabalho de conclusão de curso na internet]. Minas Gerais: Centro Universitário de Formiga; 2013 [acesso em 19 de jan. 2019]. Disponível em: https://repositorioinstitucional.uniformg.edu.br:21074/xmlui/handle/123456789/189

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Pesquisa inédita revela os números de cirurgias plásticas no Brasil. São Paulo (SP): SBCP; 2013. [acesso em 15 de fev. 2019]. Disponível em: http://www2.cirurgiaplastica.org.br/2013/01/24/materia-folha-de-sao-paulo/

Paula S. Punch-tape em fibroses cicatriciais pós lipoaspiração: um relato de caso. Rev. Eletr. Acerv. Saúde. 2017; 6(6). Acesso em: 15 de Fevereiro de 2019. Disponível em: https://www.acervosaude.com.br/doc/REAS14.pdf

Tacani PM, Tacani RE, Machado AFP, Peroni AE, Silva MA, Freitas JOG. Perfil clínico de pacientes atendidos em fisioterapia assistencial à cirurgia plástica: análise retrospectiva. ConScientiae Saúde. 2013; 12(2): 290-297. Acesso em: 25 de fevereiro de 2019. Disponível em: http://periodicos.uninove.br/index.php?journal=saude&page=article&op=view&path%5B%5D=4276&path%5B%5D=2519

Gonçalves, R. D. Abordagem fisioterapêutica no tratamento de edemas pós-cirurgias plásticas. [trabalho de conclusão de curso na internet]. Paraíba: Universidade Estadual da Paraíba; 2015 [acesso em 28 nov. 2019]. Disponível em: http://dspace.bc.uepb.edu.br/jspui/handle/123456789/10860

Vieira TS, Netz DJA. Formação da fibrose cicatricial no pós-cirúrgico de cirurgia estética e seus possíveis tratamentos: artigo de revisão. [trabalho de conclusão de curso de pós graduação na internet]. Santa Catarina: Universidade Vale do Itajaí; 2012. [acesso em 01 mar. 2019]. Disponível em: http://siaibib01.univali.br/pdf/Tauana%20Sofia%20Vieira.pdf

Silva RMV, Cordeiro LF, Figueirêdo LSM, Almeida RÂL, Meyer PF. O uso da cinesioterapia no pós-operatório de cirurgias plásticas. Ter. Man. 2013; 11(51): 129-134. Acesso em: 18 de janeiro de 2020. Disponível em: http://fisiosale.com.br/assets/10cirurgia-plástica-facial-2910a.pdf

Baseggio CV, Ariza D, Simões NDP. Drenagem linfática manual nos pós-operatório de dermolipectomia abdominal [trabalho de conclusão de curso na internet]. Curitiba: Instituto Brasileiro de Terapias e Ensino; 2011 [acesso em 12 nov. 2019]. Disponível em: https://docplayer.com.br/15888148-Drenagem-linfatica-manual-no-pos-operatorio-de-dermolipectomia-abdominal.html

Sousa JG, Bertani YP, Lima TFS. Os recursos terapêuticos Manuais nos pós-cirúrgicos de cirurgias plásticas abdominais. Interfisio; 2010. Acesso em: 12 de janeiro de 2020. Disponível em: https://interfisio.com.br/os-recursos-terapeuticos-manuais-nos-pos-cirurgicos-de-cirurgias-plasticas-abdominais/

Sdregotti AL, Souza D, Paula VB. A importância da atuação do tecnólogo em estética na ação conjunta com o cirurgião plástico, diante das intercorrências em procedimentos de pós-operatório de cirurgias plásticas estéticas [trabalho de conclusão de curso na internet]. Santa Catarina: Universidade do vale de Itajai; 2009 [cesso em 21 de nov. 2019]. Disponível em: http://siaibib01.univali.br/pdf/Amanda%20Lussoli%20Sdregotti%20e%20Danubia%20de%20Souza.pdf

Pereira JSV. Introdução à cirurgia plástica e reparadora. Educacional editora e cursos Ltda. 2011. Acesso em: 16 de novembro de 2019. Disponível em: http://livrozilla.com/doc/484736/introdução-à-cirurgia-plástica-e-reparadora---n

Silva RMV, Martins ALMS, Maciel SLCF, Resende RARC, Meyer PF. Protocolo fisioterapêutico para o pós-operatório de abdominoplastia. Ter. Man. 2012; 10(49): 294-299. Acesso em: 12 de novembro de 2019. Disponível em: https://docplayer.com.br/6449073-Protocolo-fisioterapeutico-para-o-posoperatorio.html

Macedo ACB, Oliveira SM. A atuação da fisioterapia no pré e pós-operatório de cirurgia plástica corporal: uma revisão de literatura. Cad. da Esc. de Saúde. 2014; 1(5): 169-189. Acesso em: 10 de jan. 2020. Disponível em: http://portaldeperiodicos.unibrasil.com.br/index.php/cadernossaude/article/view/2327/1899

Aldenucci B, Egg-Moro A. A atuação da fisioterapia dermatofuncional no pós-operatório de cirúrgia bariátrica: uma revisão de literatura. Cinergis [revista na Internet]. 2011 Jul 19; [citado 2020 Jan 5]; 11(1): [aprox. 0 p.]. Disponível em: https://online.unisc.br/seer/index.php/cinergis/article/view/1126

Zanella BI, Ruckl S, Voloszin M. A importância da drenagem linfática manual no pós-operatório da abdominoplastia. Rev. Lit. 2011. Acesso em: 14 novembro de 2019. Disponível em: http://siaibib01.univali.br/pdf/Betina%20Zanella,%20Suelen%20Ruckl.pdf

Silva RMV, Santiago LT, Fonseca WT, Ferreira ALM, Lopes KLD, Meyer PF. Avaliação da fibrose cicatricial no pós-operatório de lipoaspiração e/ou abdominoplastia. Rev. Eletr. CATASSUBA. 2014; 3(2): 19-28. Acesso em: 07 de novembro de 2019. Disponível em: https://repositorio.unp.br/index.php/catussaba/article/view/554

Miranda JTR, Taiba, LHOS, Carvalho MS. Drenagem linfática manual no pós-operatório de dermolipectomia abdominal [trabalho de conclusão de curso na internet]. São Paulo: Faculdades Metropolitanas Unidas; 2015. [acesso em 25 nov. 2019]. Disponível em: http://www.belezain.com.br/adm/uploads/dlmderm.pdf

Chi A, Oliveira AVM Ruh AC, Schleder JC. O uso do linfotaping, terapia combinada e drenagem linfática manual sobre a fibrose no pós-operatório de cirurgia plástica de abdome. Fisioter. Bras. 2016; 17(3): 197-I: 203. Acesso em: 20 de janeiro de 2020. Disponível em: https://portalatlanticaeditora.com.br/index.php/fisioterapiabrasil/article/view/477

Migotto JS, Simões NDP. Atuação fisioterapêutica dermatofuncional no pós-operatório de cirurgias plásticas. Rev. Eletr. Gestão & Saúde. 2013; 4(1): 1646-1658. Acesso em: 15 de Fevereiro de 2019. Disponível em: http://periodicos.unb.br/index.php/rgs/article/view/187

Costa EC, Mejia DPM. Métodos terapêuticos dermatofuncionais no pós-operatório de abdominoplastia e lipoaspiração. [trabalho de conclusão de curso de pós-graduação na internet]. Goiânia: Faculdade Cambury; 2014. [acesso em 01 nov. 2019]. Disponível em: http://portalbiocursos.com.br/ohs/data/docs/18/99_-_MYtodos_terapYuticos_dermato-funcionais_no_pYs-operatYrio_de_abdominoplastia_e_lipoaspiraYYo.pdf

OBSERVAÇÃO: Os autores declaram não existir conflitos de interesse de qualquer natureza.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.