BENEFÍCIOS DO MÉTODO MÃE CANGURU EM RECÉM-NASCIDOS PREMATUROS COM SUPORTE VENTILATÓRIO: REVISÃO SISTEMÁTICA

Andrey Silva Machado, Clarisse Cruz Costa, Tarcísio Augusto Gonçalves Nery, Tereza Cristina dos Reis Ferreira

Resumo


Objetivo: Demonstrar se o método mãe canguru produz desfechos benéficos e seguros em recém-nascidos prematuros submetidos a suporte ventilatório nas unidades de terapia intensiva. Métodos: Revisão sistemática de artigos originais sobre a influência do método mãe canguru em recém-nascidos prematuros respirando com auxílio de suporte ventilatório. Resultados: O MMC demonstra ser seguro quanto estabilidade hemodinâmica, semelhante a incubadora. Com relação aos parâmetros respiratórios, apresentou aumento na oxigenação cerebral e SpO2, além da redução da necessidade de ventilação mecânica e oxigenioterapia após alta da UTI. O favorecimento do sono, principalmente o profundo, mostrou-se um forte aliado ao desenvolvimento neurocomportamental de RN prematuros com suporte ventilatório. Conclusão: Embora o MMC se mostre ser um método seguro a ser aplicado em RN prematuros com suporte ventilatório, a quantidade e qualidade metodológica dos estudos é insuficiente, sendo necessária a realização de mais estudos rigorosos.


Palavras-chave


Método mãe canguru, suporte ventilatório, recém-nascido prematuro

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.