INTERVENÇÃO HIDROCINESIOTERAPÊUTICA NO EQUILÍBRIO POSTURAL E NA QUALIDADE DE VIDA DE MULHERES COM FIBROMIALGIA

Carla Maria D’Agostini D’Agostini, Amanda Canabarro, Matheus Santos Gomes Jorge, Lia Mara Wibelinger

Resumo


Introdução: A fbromialgia é uma doença reumática caracteriza-se pela dor difusa que pode causar danos musculoesqueléticos capazes de prejudicar o equilíbrio postural e a qualidade de vida destes indivíduos. Objetivo: verifcar os efeitos da hidrocinesioterapia no equilíbrio postural e na qualidade de vida em mulheres com fbromialgia. Métodos: Estudo longitudinal e intervencionista, que incluiu 05 mulheres com fbromialgia
(55,8±3,25 anos), selecionadas aleatoriamente e avaliadas, pré e pós-intervenção, quanto ao equilíbrio postural, por meio da Escala de Equilíbrio de Berg, e à qualidade de vida, por meio do Questionário Medical Outcomes Study 36 – Item Short-Form Health Survey. Os indivíduos realizaram um programa de hidrocinesioterapia (adaptação, alongamento, aquecimento, fortalecimento e relaxamento), durante 02 meses, 01 vez por semana, totalizando 16 sessões. Na análise estatística utilizou-se o teste não paramétrico de Wilcoxon, considerandose um nível de signifcância de p≤0,05. Resultados: Houve melhora dos domínios capacidade funcional, de 35,0 para 55,0 (p=0,042), e dor, de 22,0 para 62,0 (p=0,043) referentes à qualidade de vida dos indivíduos após a intervenção hidrocinesioterapêutica. Porém, não observou-se diferença estatisticamente signifcativa no equilíbrio postural dos indivíduos. Conclusão: O programa de hidrocinesioterapia proposto foi efcaz na melhora dos domínios capacidade funcional e dor referentes à qualidade de vida das mulheres com fbromialgia.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.