Qualidade de vida dos participantes do projeto "atividades aquáticas" para servidores da UEPG

Herus Lima, João Guilherme Aplewicz, Guanis de Barros Vilela Junior

Resumo


Esta pesquisa tevepor objetivo verificar o efeito das atividades aquáticas como meio  de  promoção  da  saúde  e  qualidade  de  vida  dos funcionários  da Universidade  Estadual  de  Ponta  Grossa  (UEPG).  Utilizou-se  o  questionário WHOQOL  – BREF  desenvolvido  pelo  grupo  de  estudos  sobre  qualidade  de vida da Organização Mundial da Saúde. O questionário revelou uma pontuação de  66,54  no  domínio  físico,  63,17  no  domínio  psicológico,  61,44  no  domínio relações  pessoais  e  fugindo  da  média,  uma  pontuação  de  71,08  no  domínio meio ambiente. Nos domínios físico, psicológico e relações pessoais obteve-se uma  média  boa,  mas  com  necessidade  de  melhor  ao  longo  da  pratica  das atividades  propostas.  Destacou-se  o  domínio  meio-ambiente,  obtendo  um resultado  muito  além,  surpreendendo  pela  sua  média  acima  dos  outros domínios.  Demonstrou-se  a  interligação  entre  os  fatores  do  cotidiano  com  a qualidade  de  vida  pela  prática  da  natação  e  hidroginástica,  fato  esse  que contribuiu com a promoção de saúde nos indivíduos praticantes.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.